o sistema

síntese https://insofar.art/wp-content/uploads/2022/02/exposição_o_sistema_4k-1080p.mp4 04 Fevereiro – 30 Abril 2022 O Sistema Cristiano Mangovo Curadoria de Katherine Sirois Nesta exposição individual intitulada “O Sistema”, Cristiano Mangovo (Angola, 1982)  apresenta seis quadros de grande formato, que abordam o tema crucial do Poder. Reconhecido pelo seu espírito crítico, pela sua defesa de uma justiça social e de uma consciência […]

Momento do Museu, 2019

Momento-do-Museu

Profundamente preocupado com questões de justiça social e partilha de riqueza, Cristiano Mangovo muitas vezes aborda o mundo contemporâneo como um cenário de violência, malandragem, extravagância e engano. O Momento do Museu apela à criação há muito esperada de um museu de artes contemporâneas para a capital angolana de Luanda. Enquanto a cidade possui um museu militar, que reflete sua história dolorosa e conturbada, a ausência de um museu de arte aparece como uma realidade cruel e inadmissível para a população angolana e para a comunidade artística. Enquanto a figura espectral de fundo de um soldado moribundo evoca o passado conflituante do país, a figura invertida dinâmica e composta, que mostra uma conexão com um sol remoto, aparece como o benfeitor que Angola anseia.

Tesouro, 2017

The protector

Densamente pintado, o centro da tela oferece uma forte concentração de elementos orgânicos, lineares e coloridos, que prendem a atenção do espetador enquanto desafiam sua capacidade de descodificação.
“O Tesouro” suscita uma reflexão contundente e relevante sobre os efeitos globais de uma ideologia gananciosa baseada no cada um por si e na lei da selva. Embora esse lema aumente as disparidades entre os trapaceiros e os mais vulneráveis, permitindo uma concentração maciça de riqueza, também contribui para um espírito prejudicial de competição e divisão.

Os determinados, 2019

Os determinados

Linhas enérgicas, formas humanas dinâmicas e gestos expressivos marcam o ritmo desta pintura rítmica e enigmática. Expressando movimento, fluidez e suspensão com fragmentos do corpo como mãos, braços ou pernas e figuras esquemáticas de fundo dançante, Os Determinados evoca o tema da aspiração da juventude angolana por uma vida melhor, migrando das áreas remotas para a capital de Luanda em buscam realizar seus sonhos e desejos mais profundos. O verde escuro do fundo ressoa com o significado tradicional da cor verde. Associado à vegetação florescente, tem sido amplamente utilizado como símbolo de esperança numa nova vida.